Close

Setembro 30, 2019

Aumenta o número de estrangeiros a comprar imóveis em Portugal

A compra de imóveis por estrangeiros cresceu em Portugal no ano de 2018 de acordo com os dados recentemente divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) aqui partilhados.

Do total de 242.091 prédios transaccionados no nosso País no ano passado, os estrangeiros compraram 19.912, o que equivale a 8,2% do total. Este investimento representa um crescimento de 14,5% no número de transacções realizadas por estrangeiros entre 2017 e 2018.

França no topo da lista

Tal como no ano anterior, foram os residentes em França que mais imóveis adquiriram em Portugal (19,7% do valor total), seguidos pelos residentes no Reino Unido (16,9%). É ainda de destacar o elevado valor mediano (297,2 mil euros) dos imóveis vendidos a residentes na China, quase seis vezes superior ao conjunto do mercado (53 mil euros).

Brasileiros aumentam investimentos

A contribuir para este crescimento estão os investidores brasileiros que ganharam maior peso no total das transacções realizadas por estrangeiros em Portugal. O Brasil representa agora 8,3% do total das aquisições feitas por estrangeiros no nosso País, acima dos 6,9% observados em 2017.

Lisboa e Algarve continuam a liderar

Valor e Proporção do valor dos imóveis adquiridos por não residentes, por NUTS III, 2018 (Imagem: INE)

A Área Metropolitana de Lisboa concentrou 39,5% do valor total das vendas de imóveis a não residentes, em 2018, correspondendo a 21,0% do número total de imóveis transacionados. Seguiu-se o Algarve com 35,9% do valor e 28,6% do número. Estas duas regiões concentraram praticamente metade dos imóveis adquiridos por não residentes em 2018 (49,6%) e mais de ¾ (75,5%) do valor correspondente

O investimento nos Açores e nas regiões de Trás-os-Montes, Alto Alentejo e Beira Baixa também registaram uma subida.

Clique AQUI para ler todos os dados divulgados pelo INE

Please follow and like us:
error